Participe da construção do plano popular do bairro 2 de Julho!

O 2 de Julho é um bairro que vive em tensão frente aos processos de gentrificação articulados por grupos privados e pela própria PMS (Prefeitura Municipal de Salvador). A pretendida mudança de nome e um projeto de “humanização” do bairro ameaçavam as relações de vizinhança, os vínculos e o sentimento de pertencimento dos moradores do bairro.

Diante da vitoriosa resistência articulada pelos moradores e freqüentadores do 2 de Julho, a Prefeitura resolveu simplesmente “suspender” o projeto (clique aqui para saber mais). O recuo em relação ao “projeto de humanização” anteriormente proposto, entretanto, não é suficiente para deixar tranqüilos os moradores, nem usuários do bairro, que, pelo contrário, permanecem fortemente mobilizados pelos episódios ocorridos.

A PMS, ao desistir do projeto, tentou culpar os moradores que ofereceram algum tipo de resistência, seja individualmente ou coletivamente, numa estratégia clara de manipulação, visando estabelecer conflitos entre os moradores do bairro. A lacuna que tenta se instaurar diante da suposta imobilidade da prefeitura pode significar a tentativa de acirrar o caos, o abandono, e dessa forma revigorar o projeto anteriormente recusado.

O Movimento NOSSO BAIRRO É 2 DE JULHO, entretanto, possui sentidos mais nobres e vem buscando novos contornos e novas formas de organização que caminham agora em direção à formulação de propostas para melhoria do bairro. A mobilização instaurada suscita a participação e algumas ações vêm sendo iniciadas no sentido de organizar e fortalecer um coletivo de moradores, uma rede representativa, formada por lideranças locais. O fortalecimento deste coletivo requer um processo de formação concebido a partir de um olhar pedagógico, com o objetivo claro de construir uma rede e capacitá-la para a elaboração de um plano popular para o bairro.

Embalados por estes desejos é que temos nos encontrado semanalmente: participantes do DESOCUPA, do Movimento NOSSO BAIRRO É 2 DE JULHO, moradores do bairro, lideranças, arquitetos, urbanistas, artistas, iniciando a construção coletiva de um plano de ações conjuntas que visam a formação da rede. Os encontros ocorrem nos espaços públicos do próprio bairro, nas noites de terça-feira. Há também uma mobilização pública puxada pelo Movimento NOSSO BAIRRO É 2 DE JULHO todas as sextas-feiras, no Coreto (próximo à padaria Bola Verde). A partir da contribuição de todos os olhares e percepções, especialmente dos moradores, o planejamento vem avançando, tendo já em vista a realização de alguns eventos de mobilização.

O primeiro deles é uma sessão de cinema em parceria com um cineclube, na qual será exibido o filme “Narradores de Javé” seguido de um debate. Está prevista também a produção de um vídeo pelos moradores do bairro, um registro do olhar, das narrativas, das memórias.

As ações iniciais visam compartilhar referências e elementos com os moradores que permitam construir um olhar sensível e propositivo, uma construção coletiva a partir de diferentes perspectivas, de forma a mergulhar no processo de elaboração de um plano de desenvolvimento local pelos próprios moradores.

Participe deste processo! A CIDADE É NOSSA!

O QUÊ: Reunião semanal do plano popular do 2 de Julho
QUANDO: Todas as terças-feiras, às 19h
ONDE: Em frente à Padaria Bola Verde

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s